Treinador elogia desempenho de rio-pretense no Havaí e já traça novo desafio - Cidade Clube - O Clube do Esporte

Últimas

Cidade Clube - O Clube do Esporte

O Clube do Esporte

14/10/2014

Treinador elogia desempenho de rio-pretense no Havaí e já traça novo desafio

Técnico Marcelo Lopes, da Outdoor Assessoria Esportiva, afirma que tempo
da triatleta Flávia Funes no Mundial de Kona estava dentro do planejado

Responsável pela preparação da triatleta rio-pretense Flávia Funes, 30 anos, o técnico Marcelo Lopes, da Outdoor Assessoria Esportiva, comentou o resultado obtido na principal etapa mundial do Ironman disputado no último sábado (11), em Kona, no Havaí. Das 75 competidoras, que encararam a categoria de 30 a 34 anos, Flávia ficou em 45º lugar com o tempo de 11h49min11seg. A campeã foi a alemã Kartrin Esefell, com o tempo de 9h53min23seg. "Já sabíamos que a maior dificuldade da Flávia seria na bike, mas pelo que vimos a maioria das triatletas, inclusive as favoritas, tiveram desempenhos abaixo do esperado devido aos fortes ventos durante a prova de ciclismo", disse Lopes.

Segundo o treinador de Flávia, o Mundial de Kona é o mais difícil de todos os demais. "Extremamento competitivo e bem mais difícil que a etapa do Ironman disputado em Florianópolis neste ano". "Porém, só tenho elogios à Flávia que conseguiu finalizar o Mundial no tempo em que a gente havia planejado", destacou Lopes.

O próximo desafio da triatleta rio-pretense é o Long Distance, que vai acontecer no dia 23 de novembro, em Pirassununga, Interior de São Paulo. Nesta competição, Flávia vai nadar 1,9 mil metros, pedalar 90 quilômetros e correr 21 mil metros. "A orientação que passamos para Flávia é de descanso. O trabalho já está feito e ela tem que estar inteira para o próximo desafio", disse o treinador da Outdoor.

Médica endocrinologista, Flávia divide a rotina dos plantões com os treinamentos de musculação, natação, ciclismo e corrida de rua. Ela retorna para Rio Preto no próximo sábado (18).  

Vinicius/TodoSports