Mirassol ganha reforços para reta decisiva. - Cidade Clube - O Clube do Esporte

Últimas

Cidade Clube - O Clube do Esporte

O Clube do Esporte

28/02/2014

Mirassol ganha reforços para reta decisiva.

Mirassol ganha reforços para reta decisiva.
No último dia para se reforçar na reta final do Campeonato Paulista da Série A-2, o Mirassol deve anunciar hoje um atacante de área para compor o seu elenco, que ontem já ganhou duas caras novas. O zagueiro Fabão, de 33 anos, e o meia-atacante Marco Aurélio, 27 se apresentaram ao técnico Luiz Carlos Martins. No início da semana, a direção do Leão da Araraquarense já havia trazido o volante Fernando Aguiar, emprestado pelo Penapolense.

Amanhã, às 16h, a equipe da região enfrenta o líder Capivariano, em, Capivari. “Quero ajudar levar o Mirassol à elite, chegar ao fim desses nove jogos que faltam e dizer que valeu a pena”, disse Fabão, que estava jogando o Paulistão pelo Atlético Sorocaba, ameaçado de rebaixamento. Já Marco Aurélio chega por empréstimo junto ao Paraná Clube, com quem tem vínculo até o final deste ano. “O Paulista A-2 é um campeonato com grandes clubes do Estado e até de maior importância que muitos estaduais pelo Brasil”, comentou Marco Aurélio.

Fábio Santos da Silva, nascido em Itaboraí-RJ, ganhou o aumentativo no nome devido aos 2,04 metros de estatura. “Desde criança era grande e meus amigos começaram a me chamar de Fabão e pegou o apelido”, disse o xerifão, revelado no América-RJ. Ele ainda rodou por Vasco, Madureira, Linense, Caxias-RS, além de ter jogado no futebol do Líbano, Síria e Catar. “Foi uma experiência muito boa no exterior. Fui para ficar um ano e acabei, entre idas e vindas, ficando sete temporadas”, disse Fabão, que como a maioria enfrentou as dificuldades de idioma, alimentação e clima. “Era temperatura de 48, até 50 graus. Mas levei minha família e me adaptei, no fim já até falava um pouco o árabe”, disse.

O curitibano Marco Aurélio Iubel, de 1,76m, fez sua base no Coritiba, passou cinco anos em Portugal, onde defendeu Vitória de Guimarães e Marítimo. De volta ao Brasil jogou pelo Vitória-BA, Vila Nova-GO e Paraná. “Notei que os nossos atacantes são muito bons e, por isso, vou ter trabalho para buscar espaço no time titular. Isso é muito bom e tenho certeza que o Leão é um dos sérios candidatos ao acesso”, disse o armador.

Fonte: Diarioweb(Ozair Junior, Hamilton Pavam)